Home | Publicações Técnicas | Anais ZOOTEC | Artigos Científicos | Forragicultura e Pastagens | Resposta de Panicum maximum cv. Vencedor à Níveis de Calagem

Congresso Brasileiro de Zootecnia - ZOOTEC

Resposta de Panicum maximum cv. Vencedor à Níveis de Calagem

Tamanho da fonte: Decrease font Enlarge font
  1. Eng. Agrôn., M.Sc., Embrapa Amapá, Caixa Postal 10, CEP 68906-970, Macapá, Amapá
  2. Eng. Agrôn., Ph.D., Instituto de Zootecnia, Nova Odessa, São Paulo
  3. Eng. Agrôn., M.Sc., Escola Agrotécnica Federal de Colorado do Oeste, Rondônia
  4. Med. Vet., M.Sc., Embrapa Meio Norte, Parnaíba, Piauí. Doutorando em Zootecnia/UFC, Fortaleza, Ceará
  5. Zootecnista, D. Sc. CNPQ/FAPEPI/Embrapa Meio-Norte, Parnaíba, Piauí
  6. Eng. Agrôn., M.Sc., Doutorando em Zootecnia/UFC, Fortaleza, Ceará

Resumo: Neste trabalho avaliou-se o efeito da calagem sobre a produção de forragem e composição química de Panicum maximum cv. Vencedor. O ensaio foi conduzido em casa-de-vegetação, utilizando-se um Latossolo Amarelo, textura argilosa, fase floresta, o qual apresentava as seguintes características químicas: pH = 5,5; Al = 1,7 cmolC/dm3; Ca + Mg = 1,8 cmolC/dm3; P = 2,6 mg/kg e K = 72 mg/kg. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com três repetições. Os tratamentos constaram de cinco doses de calcário dolomítico (0, 1.000, 2.000, 3.000 e 4.000 kg/ha - PRNT = 100%), uniformemente misturadas com o solo, dois meses antes do plantio, período em que os vasos ficaram incubados. A adubação de estabelecimento consistiu de 40 mg/kg solo de N (uréia), 22 mg/kg solo de P2O5, 40 mg/kg solo de K2O (cloreto de potássio). A calagem incrementou significativamente os rendimentos de MS, teores de fósforo, cálcio e magnésio e nitrogênio. A dose de máxima eficiência técnica para a produção de forragem foi estimada em 3.964 kg/ha de calcário. Os níveis críticos internos de cálcio e magnésio, relacionados com 80% do rendimento máximo de forragem, foram de 4,95 e 4,05 g/kg, respectivamente.

Palavras-chave: forragem, matéria seca, minerais

 

Response of Panicum maximum cv. Vencedor to liming

Abstract: The response of Panicum maximum cv. Vencedor to the application of dolomitic lime (0, 1.000, 2.000, 3.000, and 4.000 kg/ha; PRNT = 100%), broadcasted and incorporated into the soil 2 months before planting, was evaluated under under greenhouse with natural conditions of light and temperature. The soil was a Yellow Latosol, with clayey texture (pH = 5.5; Al = 1.5 cmolCl/ dm3; Ca + Mg = 1.8 cmolC/dm3; P = 2.6 mg/kg; and K = 72 mg/kg). A randomized block design was used with three replications. At establishment, a uniform application was made of 40 mg/dm3 of nitrogen (urea), 22 mg/dm3 of P2O5 (triple superphosphate), and 40 mg/dm3 of K2O (potassium chloride). The application of lime increased dry mattter (DM) production significantly as well as the nitrogen, phosphorus, calcium, and magnesium concentrations in the plant. Maximum DM yield and nitrogen, phosphorus, calcium, and magnesium contents were obtained with the application of 3.964; 2.007; 2.465; 3.825 and 3.380 kg of lime/ha, respectively. Critical internal levels of calcium and magnesium related to 80% maximum DM production were estimated in 4.95 and 4.05 g/kg, respectively.

Keywords: crude protein, dry matter, forage, minerals

 


Baixar anexo


Adicionar para:    Adicionar ao Delicious Delicious  |  Adicionar ao Twitter Twitter  |  Adicionar ao LinkedIn LinkedIn

Assinar feed dos comentários Comentários (0 postado):

Poste seu comentário comment

Digite o código oculto na imagem abaixo:

  • email Enviar a um amigo
  • print Versão para impressão
  • Plain text Texto
Avaliar este artigo
0
Tags
Nenhuma tag para este artigo